www.tisaeducacao.com.br

www.facebook.com/tisaeducacao

Conheça como foi a experiência do TISA na UTFPR de Pato Branco

A experiência de aplicação do Curso TISA Educação 3.0 em conjunto com os equipamentos Sala de Aula do Futuro na UTFPR fez parte de um projeto abrangente, onde se mesclou infraestrutura e pedagogias ativas gerando resultados de impacto para a comunidade acadêmica dos cursos de licenciatura da UTFPR, do campus de Pato Branco, no Paraná.

Viabilizado através do programa LIFE da CAPES, foram concebidas 2 salas de aula do futuro e 1 laboratório de pesquisas aplicadas, voltados para formação de professores dos cursos de licenciatura em Letras/Inglês e Matemática daquela instituição.

Todo esse contexto possibilitou a criação de um ambiente propício para o desenvolvimento educacional do século 21, com a apropriação de práticas pedagógicas voltadas para a inovação em sala de aula.

Sala de aula do futuro

O projeto contou, em cada um dos 3 ambientes, com a disposição de uma lousa digital interativa, duas câmeras de alta definição e dispositivos de acesso (tablets e notebooks) para criação e interação dos sujeitos envolvidos na criação do conhecimento.

As câmeras foram posicionadas de maneira estratégica, permitindo a captura de 360 graus do ambiente de sala de aula. Uma das câmeras foi posicionada privilegiando o campo onde se situa a lousa digital interativa, e a outra câmera em uma posição que permitiu uma tomada panorâmica do restante da sala de aula.

Todo o processo de captura de vídeo acontece de modo automático, ou seja, ele é realizado toda vez em que há movimento na sala. Com gravações em alta resolução (1080 X 1920p), são gerados arquivos que ficam armazenados diretamente em um servidor na nuvem, podendo ser acessado de qualquer lugar, além de economizar custos de instalação e manutenção. Adicionalmente, o ecossistema planejado permite que também sejam criadas cópias, em diferentes resoluções, em servidores locais.

Já as lousas digitais interativas, sensíveis ao toque (touchscreen), proporcionam uma experiência rica, garantindo  maior engajamento e dinâmica de sala de aula. Os sensores infravermelhos que possibilitam a interação com a tela, permitem que professores e estudantes trabalhem com diversos recursos pedagógicos multimídias e maneira colaborativa (mais de uma pessoa interagindo com a tela ao mesmo tempo).

As lousas possibilitam também a apropriação e estimulam a autonomia por parte do estudante, uma vez que estes passam a usar os recursos da biblioteca para explicar conceitos, aprofundar conceitos e explicitar conhecimentos por meio de apresentações.

Complementando o ecossistema da sala de aula do futuro, os dispositivos de acesso (notebooks e tablets) permitem que recursos educacionais sejam criados, abordagens pedagógicas sejam ampliadas para além do espaço físico da sala de aula, bem como diversificam os canais de comunicação e interação por meio de plataformas digitais e redes sociais.

Inovação em sala de aula

Além da sala de aula do futuro, realizou-se também o curso de capacitação docenteTISA – Tecnologias e Inovação em Sala de Aula, para potencializar o uso dos suportes pedagógicos digitais instalados, por meio de pedagogias ativas.

Devido as características do projeto foi desenvolvido um modelo 2+60 (dois dias presenciais, acrescidos de suporte e acompanhamento de sessenta dias online), cujo foco principal foi a prática para a incorporação dos suportes pedagógicos digitais aos planos de aula dos docentes.

As oficinas utilizaram uma breve abordagem conceitual e buscou engajar os professores a incorporar no seu cotidiano profissional, as técnicas e métodos baseados em metodologias ativas. Foram trabalhados ao todo 20 tópicos, onde os professores puderam incorporar ao seu plano de ensino, abordagens suportadas por tecnologias educacionais.

Se você ficou interessado em saber sobre como implantar uma sala de aula do futuro na sua instituição e levar a inovação para dentro de sala de aula, contate-nos ou acesse a página do TISA Educação 3.0.

Deixe uma resposta